Notícias

Baixas temperaturas na região geram risco de congelamento das tubulações e vazamentos de água

Com o declínio nas temperaturas em todo o estado e as recentes previsões do tempo, que registram a entrada de uma nova massa de ar polar nesse final de semana e a previsão de que as temperaturas vão despencar a partir de sábado, a BRK orienta seus Clientes para a possibilidade de congelamento das tubulações mais expostas, como os cavaletes de entrada das residências.

“A possibilidade do congelamento das tubulações de água na entrada dos imóveis é algo que pode acontecer durante temperaturas mais frias e é uma situação que já faz parte das características de Caçador nessa época do ano. Dependendo da intensidade do frio, esse fenômeno pode aumentar o número de vazamentos. Essa situação já está mapeada dentro da concessionária e nossas equipes estão preparadas para esse tipo de problema”, comenta Guilherme Pimentel, responsável pela Operação da Concessionária em Caçador.

Isso ocorre quando a água fica parada dentro da tubulação em horários de menor consumo, como durante a noite e a madrugada, provocando o congelamento e a dilatação dos canos, o que pode causar rompimentos.

A situação inusitada causou um aumento exponencial no número de vazamentos no primeiro ano da concessão da BRK no município, o que levou a concessionária a criar ações para minimizar a situação. Com o objetivo de evitar problemas graves e de maneira preventiva, a concessionária organizou equipes especiais de plantão para as épocas mais frias do ano - capacitadas para atuar de forma mais rápida e eficiente diante de uma eventual necessidade.

“Sempre nos preparamos para essa época do ano, para um possível aumento no número de casos de vazamentos nos cavaletes de entrada de água dos imóveis. Em julho de 2019, logo no início dos trabalhos da empresa em Caçador, houve um pico de mais de 600 vazamentos em um único final de semana devido a esse problema. Isso levantou um alerta e agora nossa equipe está preparada para enfrentar a situação, caso ocorra”, explica Guilherme.

A população também pode contribuir e proteger as tubulações aparentes em seu imóvel, tanto internamente quanto as que estão próximas ao medidor, cobrindo-as com materiais capazes de diminuir o risco de congelamento, como caixas de papelão ou pedaços de plástico. São ações simples e que podem ajudar a mitigar os impactos. É importante também que os moradores fiquem atentos e entrem em contato com a concessionária o mais rápido possível ao identificar problemas.

Contato com a BRK

Em caso de dúvidas, a BRK mantém o seu canal gratuito de atendimento, o 0800 771 0001, que está disponível 24 horas. O atendimento está disponível pelo e-mail da BRK (contatocacador@brkambiental.com.br), Facebook e também pelo WhatsApp, pelo número (11) 9 9988-0001.

ACOMPANHE NOSSAS OBRAS, AVISOS E TUDO QUE ACONTECE NA BRK DA SUA CIDADE